Página Inicial
Mafra (SP), 20 de dezembro de 2014 - 10:08

Polícia

Imagens Fortes! Bandidos são massacrados depois que invadiram quartel da PM

14/01/2014 18:25

Nesta segunda-feira (13), em Campo Novo de Rondônia, oito dos nove suspeitos de invadir o quartel da Polícia Militar foram mortos pela polícia na área de uma fazenda distante cerca de 20 quilômetros do município, durante fuga. Antes, o grupo fez vários assaltos na cidade e dois policiais foram feitos reféns, liberados em seguida. Outros dois PMs ficaram feridos, mas não correm risco de morte.

De acordo com o tenente Rodolfo Andrade Ribeiro, a intenção não era matar os suspeitos, mas sim prendê-los. “Nós não pretendíamos ter este desfecho, mas aconteceu em consequência da troca de tiros. Um deles conseguiu fugir e ainda estamos na tentativa de capturá-lo”, disse o tenente.

Durante a invasão ao quartel, o bando roubou armas de grosso calibre, entre fuzis, pistolas e escopetas, e em seguida praticaram vários assaltos a estabelecimentos comerciais, além de uma agência dos Correios. Uma viatura da polícia e uma caminhonete foram usadas pelos suspeitos para praticar os crimes.

Durante a ação, no quartel da polícia, um policial foi baleado na perna e levado para um hospital de Ariquemes. O outro policial foi baleado durante a troca de tiros.

Segundo a polícia, os suspeitos estavam vestidos com fardas da PM. A polícia mobilizou os efetivos dos municípios de Ariquemes, Monte Negro e Buritis. Um levantamento está sendo feito pela Polícia Civil para saber quantos comércios foram assaltados.

Policiais Militares do GATE de Porto Velho desceram de avião para Buritis de onde pegaram viaturas locais e desceram para o município de Campo Novo.

A operação ainda não acabou, de acordo com a polícia, pois há suspeita de que outros suspeitos tenham participado dos assaltos. Os corpos dos oito suspeitos mortos serão encaminhados ao Instituto Médico Legal (IML) de Monte Negro (RO).

Armamento apreendido dos infratores

Uma metralhadora Beretta MT12, calibre 9mm

Uma pistola Colt calibre 7.65

Uma pistola Taurus 938 – calibre 380

Um revólver Taurus calibre 38 e várias munições.

Material recuperado da PM

Um fuzil 7.62

Uma carabina .40

Três pistolas Taurus PT100 .40

Uma espingarda calibre 12

Uma pistola Taurus 638 calibre 380 – pertencente a um dos SD PM;

Seis coletes balísticos;

Três rádios de comunicação – HT;

19 carregadores .40 da pistola PT100.

Dois carregadores de fuzil 7.62 e um carregador de carabina .40

161 cartuchos de fuzil calibre 7,62

27 cartuchos calibre .40

41 cartuchos calibre 12;


Copyright Rede SBC Brasil. Todos os direitos reservados.

A “Rede de Notícias Online” trata-se de Projeto panteado junto ao INPI e Cartório de Registros e Documentos para jornalistas e empresários. É expressamente proibida a sua reprodução do Conteúdo e Plagiar o Projeto desta Rede de Notícias Online no Território Nacional, sujeito às penalidades previstas pelo CPB por roubo violação de Propriedade Intelectual.

 

SBC Mafra
Sinvalgo Campell
Jornalista e Diretor Proprietário
Contato (47) 9713-0898

A "SBC Mafra" - Agência de Notícias com sede nesta cidade de Mafra (SC), se trata de uma franquia nesta cidadede gerada pela franqueadora "Rede SBC Brasil" - uma empresa da Editora SISTEMA BRASIL DE COMUNICAÇÃO SC LTDA inscrita no CNPJ 01.975.366/0001-49
Fundação: 14 de abril de 1988 em Rondonópolis (MT) com sua SEDE NACIONAL
Endereço: SAUS Q. 11 – Bloco G – Entradas 11 e 20 – Ed. CNT – 11 andar – 70070-944 – Brasília/DF e SubSede Regional: Rua Alzira Santana 170, C 01 - Centro Sul - Várzea Grande (MT)
Nós da Rede SBC Brasil, DECLARAMOS para todos os fins de direito que, o franqueado acima descrito é o verdadeiro e legítimo detentor e propreitário desta franquia nesta cidade.

Todos os conteúdos que aqui se encontram veiculando nesta Afiliada da Rede SBC Brasil (Franqueada - SBC Mafra) são de inteira responsabilidades de seus autores e ou idealizadores. Nem todos representam e nem expressam a opinião desta Empresa local nem da matriz.

A Rede "SBC Brasil" Nacional, se trata de um projeto independente de suas agências franqueadas, por conta disso, não tem nenhuma responsabilidade por conteúdos veiculados e nem pelos "veiculando" em franqueadas afiliadas no Brasil e nem no exterior. Cada uma é responsável pela sua Concessão e publicações. 

Versão Normal Painel Administrativo